Vacina da Gripe: 10 motivos para você se vacinar

Publicado por: Equipe Labi Equipe Labi
03/03/2023
7 minutos de leitura
mulher vacinando homem de máscaras

Sabemos que é essencial tomar a vacina da gripe todos os anos para manter nosso sistema imunológico protegido contra o vírus Influenza e suas mutações. Com a vacina da gripe tetravalente disponível no Labi você e sua família ficam protegidos da gripe, doença que mata até 650 mil pessoas anualmente em todo o mundo.

Ainda está indeciso se precisará tomar a vacina este ano? Então, confira 10 motivos para você tomar a Vacina da Gripe Tetravalente.

A Vacina da Gripe Tetravalente ajuda a evitar mortes pela doença

Muitas pessoas subestimam o perigo da gripe por considerar que uma doença tão corriqueira não pode ser tão fatal. Contudo, os números são alarmantes.

Para efeito de comparação, o número de pessoas que perdem a vida todos os anos no mundo por conta da gripe, é bastante próximo das mortes causadas pela Pandemia da Covid-19 no Brasil: 650 mil e 695 mil, respectivamente. (Dados de 12 de janeiro de 2023 fornecidos pelo Data Repository by the Center for Systems Science and Engineering (CSSE) da Universidade Johns Hopkins).

Com a vacina, você fica muito mais protegido das complicações da doença, sobretudo, se tiver mais de 60 anos, for gestante, criança ou tiver alguma doença crônica, como diabetes e hipertensão. 

Destas complicações a Síndrome Respiratória Aguda Grave, pneumonia primária por influenza, pneumonia bacteriana e por outros vírus, piora de doenças crônicas, sinusite, otite (inflamação no ouvido) e desidratação são as mais comuns.

As pneumonias, em especial, são bastante preocupantes em idosos. Estima-se que, entre 2015 e 2017, mais de 80% das mortes por pneumonia no país foram de pessoas idosas.

A Vacina da Gripe Tetravalente é a melhor forma de prevenção contra a doença

A Vacina de Gripe Tetravalente previne contra as variantes H1N1 (também conhecida como gripe suína) e a variante H3N2 (conhecida como gripe sazonal) do vírus Influenza tipo A e também protege contra duas cepas virais da Influenza B. 

É muito mais seguro se vacinar contra a gripe do que contar com a proteção natural que você teria, caso se infecte naturalmente com a doença.

Pessoas jovens também devem se vacinar

Em uma temporada normal de gripe, as hospitalizações podem sobrecarregar nosso sistema de saúde. Com isso, caso você precise ir a um pronto-socorro, você pode ficar exposto a riscos desnecessários, como a Covid-19, além de sobrecarregar a equipe de saúde.

Embora a maioria das mortes por gripe ocorra em pessoas com mais de 50 anos, ainda há mortes em crianças e até pessoas na faixa dos 20 e 30 anos. 

A Vacina da Gripe Tetravalente deve ser aplicada todos os anos

A eficácia da vacina contra a gripe varia de ano para ano. Isso porque a proteção oferecida depende da semelhança entre os vírus da vacina e os que estão em circulação, bem como da saúde do indivíduo. Em outras palavras, mesmo se você se vacinou no ano anterior você precisa se vacinar novamente, pois a vacina é sempre atualizada para as cepas presentes naquele ano.

Os vírus mudam porque os genes desse vírus mudam, sendo que alguns mudam muito pouco e outros, como o influenza, mudam com frequência.

Os vírus da gripe podem ‘reagrupar’ partes do genoma com outros vírus relacionados e criar uma cepa totalmente nova, algo recorrente. Assim, precisamos fazer uma vacina totalmente nova a cada ano, uma vez que, o genoma do influenza muda drasticamente.

Durante as estações em que a vacina é bem compatível com o vírus, a vacinação pode reduzir o risco de gripe em até 60%. 

A Vacina da Gripe Tetravalente é muito rápida de ser aplicada

A vacina é aplicada via intramuscular na região do braço. Você pode sentir uma pequena picada quando a agulha entra ou sai e todo o procedimento geralmente leva menos de cinco minutos.

No Labi, nossas equipes de saúde são treinadas para a aplicação de vacinas menos incômodas possível, inclusive para as crianças pequenas que são mais sensíveis à dor.

A Vacina da Gripe Tetravalente é segura e não causa a gripe

As vacinas contra a gripe são extremamente seguras, têm sido usadas há décadas no combate à doença e não causam gripe. A injeção contendo os vírus inativados, ou seja, ele não causa a doença, pois os vírus estão mortos e não conseguem se reproduzir, o que torna impossível deles infectarem o nosso organismo.

Reações da Vacina da Gripe Tetravalente são, no geral, leves.

Os efeitos colaterais mais comuns da vacina são sensibilidade, vermelhidão ou um pouco de inchaço no local da injeção.

Portanto, embora nem todas as pessoas tenham esses efeitos, é bom planejar com antecedência alguns dias de dor muscular em qualquer braço em que você for vacinado, apenas por precaução. 

Também é possível desenvolver febre baixa, dor de cabeça ou náusea. Porém, esses sintomas devem desaparecer após um dia ou dois dias. Já os efeitos adversos graves são bastante raros, e o risco deles acontecerem é muito menor do que os riscos que você geralmente corre ao contrair a própria gripe.

Evidências apontam que a Vacina da Gripe pode contribuir para a redução de casos de COVID-19

Evidências descobertas em um novo estudo realizado por pesquisadores da Universidade do Michigan, nos Estados Unidos, apontam que a Vacina da Gripe Tetravalente pode aumentar a proteção contra o coronavírus e diminuir os riscos de infecção pela doença.

A pesquisa, publicada recentemente no periódico científico American Journal of Infection Control, foi feita através da análise dos registros médicos de 27.000 pessoas que fizeram testes para diagnóstico de COVID-19 em julho de 2020. Após a análise, os cientistas concluíram que pessoas que tomaram a vacina contra gripe apresentaram um risco 24% menor de serem infectadas pelo novo coronavírus.  

Os resultados da pesquisa evidenciam que pessoas que tomaram o imunizante contra a gripe tinham uma probabilidade menor de testar positivo para a COVID-19, em comparação com pessoas que não foram vacinadas. Além disso, mesmo quando infectadas, indivíduos imunizados contra a gripe tiveram uma menor probabilidade de hospitalização.

Vale ressaltar que apenas com esse estudo não é possível afirmar com 100% de certeza se existe de fato uma relação de causa e consequência entre a vacina da gripe e a redução do risco de infecção por coronavírus. 

Porém, os pesquisadores afirmam que há em nosso organismo um mecanismo de defesa chamado “imunidade treinada” no qual a exposição a um invasor, nesse caso aos vírus atenuados presentes na vacina da gripe, também preparam o sistema imunológico para responder a outras ameaças.

Devemos lembrar que a vacina contra gripe não previne contra o coronavírus, e sua principal eficácia é contra as infecções respiratórias causadas pelo vírus influenza e suas variantes.

Ao se vacinar, você protege a saúde de outras pessoas.

Quando você se protege da gripe por meio da vacinação, também está protegendo aqueles que não podem se vacinar contra a gripe. Isso inclui bebês com menos de 6 meses de idade, pessoas que tiveram alguma reação adversa à vacina e alérgicos à vacina. Essa é a chamada imunidade de rebanho.

Onde tomar a vacina da Gripe Tetravalente?

No Labi, você pode tomar a Vacina da Gripe Tetravalente de maneira fácil, descomplicada e com pagamento facilitado: no cartão em até 12 vezes ou no dinheiro e PIX. 

Conte com a gente para cuidar da sua saúde! São centenas de exames, testes, check-ups, vacinas  pelos melhores preços do mercado em uma de nossas unidades espalhadas pelo estado de São Paulo e Rio de Janeiro ou no conforto da sua casa com o Labi em Casa, nosso atendimento domiciliar. Basta agendar no site.

CONTEÚDOS MAIS LIDOS

Febre tifóide: quando se vacinar?
Vacinas

Febre tifóide: quando se vacinar?

06/05/2022 4 minutos de leitura
Quer receber novidades? Assine nossa newsletter

Quer receber novidades? Assine nossa newsletter: