Gripe e COVID-19: entenda a diferença

Publicado por: Letícia Lana Letícia Lana
06/01/2022
5 minutos de leitura
Mulher doente deitada no sofá com sintomas de gripe

Atualmente estamos vivendo uma alta nos casos de COVID-19 e gripe e a similaridade entre os sintomas pode gerar dúvidas entre as pessoas. Por isso, preparamos este artigo para te explicar quais são as principais diferenças entre a gripe e a COVID-19. 

O que causa a gripe e a COVID-19? 

As duas doenças são causadas por vírus e transmitidas da mesma forma: por gotículas de secreções respiratórias de uma pessoa infectada. Os agentes causadores, entretanto, são diferentes: a gripe é provocada pelos vírus da família influenza, já a COVID-19 pelo Sars-CoV-2, da família dos coronavírus.

Quais são os sintomas de gripe e de COVID-19?

De acordo com o Instituto Butantan, os sintomas clássicos da gripe sazonal são febre súbita, tosse (geralmente seca), dor de cabeça, dores musculares e articulares, mal-estar, dor de garganta e coriza. A tosse pode ser forte e durar duas ou mais semanas, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS).

O que muda, neste caso, é que o surto de gripe é considerado fora de época e é consequência do relaxamento das medidas de proteção, como o uso de máscaras. O problema, deste ano, é que estávamos há dois anos usando máscara e ela protege tanto contra a influenza quanto contra o SARS-CoV-2, já que ela inibe o contato com vírus respiratórios.

Já no caso da COVID-19, a OMS divulgou, no início da pandemia, que os infectados apresentavam sintomas como febre, tosse seca, cansaço e perda do paladar ou do olfato. Após o surgimento das variantes, os sintomas clássicos sofreram mudanças.

À medida em que a Variante Delta, descoberta em outubro de 2020, se espalhava pelo planeta, os sintomas mais comuns da doença passaram a ser febre, tosse persistente, coriza, espirros, dor de cabeça e de garganta; características semelhantes à gripe sazonal. A perda de paladar e de olfato deixou de ser relatada.

Já as infecções pela Variante Ômicron, descoberta em novembro de 2020, demonstraram outro padrão sintomático, segundo a presidente da Associação Médica da África do Sul,  pacientes infectados pela Ômicron apresentavam sintomas como dores pelo corpo, dor de cabeça, dor de garganta e, sobretudo, um cansaço extremo que ela não via nos que contraíram a Delta.

Apesar dos sintomas serem parecidos, a evolução do quadro geralmente é um bom sinalizador sobre as doenças. A gripe é aguda e surge de um dia para outro com sintomas fortes, como febre alta e intenso mal-estar. Já a COVID-19 geralmente tem uma evolução gradual, com quadro agravado após o 8º dia, quando há complicações.

Faça o Teste Rápido Coronavírus, Influenza A e Influenza B (Antígeno):

Apesar das diferenças que listamos acima, apenas ao realizar o teste você terá certeza se está infectado ou não com Influenza ou COVID. Fazer o teste ao apresentar sintomas da doença é muito importante, pois assim você consegue confirmar seu diagnóstico e seguir com as opções de tratamento mais adequadas. 

Aqui no Labi, você pode realizar o Teste Rápido Coronavírus, Influenza A e Influenza B que detecta se há, ou não, a presença de coronavírus, Influenza A e Influenza B no organismo da pessoa, são 3 em 1.  O resultado sai em apenas 3 horas e pode ser acessado online em poucos cliques. 

E lembre-se: caso você apresente qualquer sintoma gripal, mesmo que eles sejam leves, evite sair de casa e entrar em contato com outras pessoas. Assim, você faz a sua parte ajudando a impedir a circulação do vírus. Tanto a COVID-19 quanto a gripe são doenças graves que podem levar à morte, por isso, não podemos nos descuidar! 

Vacinas salvam vidas:

De fato, a COVID-19 e a gripe tem uma série de diferenças entre si, mas as duas possuem uma semelhança que é crucial para todos nós: existem vacinas disponíveis para combater essas duas doenças. 

Portanto, não se esqueça de tomar a vacina contra a COVID-19 (as duas doses regulares e a dose de reforço após 4 meses da segunda dose) e a vacina contra gripe (disponível em dose única que deve ser tomada todos os anos). 

As vacinas são sempre seguras e eficazes no controle e combate de epidemias e anualmente elas salvam milhões de vidas e impedem a volta e proliferação de inúmeras doenças. Se você ainda não se imunizou, faça isso o quanto antes e proteja a você mesmo e todos àqueles a sua volta. 

E seja com testes, vacinas, exames ou check-ups, conte sempre com o Labi para te ajudar nos cuidados com a sua saúde de um jeito fácil, prático e descomplicado. E tudo isso no conforto do seu lar, sem precisar sair de casa e pelos melhores preços do mercado. 

TAGS: covid-19 Gripe Influenza
Quer receber novidades? Assine nossa newsletter

Quer receber novidades? Assine nossa newsletter: