Resfriado: entenda as causas do resfriado comum

Publicado por: Equipe Labi Equipe Labi
11/01/2023
8 minutos de leitura

Pais de crianças já conhecem o roteiro: é só o tempo mudar ou a criança voltar para a escolinha ou creche que os sintomas respiratórios, como tosse, coriza e espirros, muitas vezes recorrentes, surgem. 

O resfriado comum geralmente é a causa desses sintomas e, apesar de serem comuns em crianças, podem atingir pessoas de todas as idades e causar complicações, como pneumonias e sinusites, sobretudo em pessoas idosas.

Neste artigo você saberá quais sãos os principais agentes infecciosos causadores de resfriados e como diagnosticá-los. 

O que é resfriado

O resfriado comum é uma infecção viral do nariz e da garganta (trato respiratório superior) que, geralmente, é inofensiva, embora cause bastante incômodo. Adultos saudáveis ​​podem esperar ter dois ou três resfriados por ano. Bebês e crianças pequenas podem ter resfriados ainda mais frequentes. Já a maioria das crianças tem cerca de 8 a 10 resfriados durante os primeiros 2 anos de vida. Se uma criança passa muito tempo em creches onde fica perto de outras crianças com resfriados, ela pode pegar ainda mais resfriados .

O que muitas pessoas não sabem é que uma gama de agentes infecciosos, entre vírus e bactérias, podem causar resfriados, dificultando o diagnóstico e, consequentemente, o tratamento. E este é o principal desafio: descobrir o agente causador da infecção para iniciar o tratamento o mais breve possível.

Pensando nisso, o Labi lançou recentemente o Painel Respiratório 24 patógenos, produto exclusivo que analisa a presença de 24 patógenos que causam resfriados e outras doenças respiratórias. Dentre eles, os principais são: Adenovírus, Rinovírus, Influenza, Sars Cov-2 (causador da Covid-19), Bocavirus e Vírus Sincicial Respiratório.  A seguir, explicaremos melhor cada um deles.

O que é Adenovírus

Os adenovírus são vírus comuns que causam sintomas tradicionais de resfriado que muitas pessoas apresentam todos os anos. O adenovírus é normalmente associado a infecções respiratórias, mas também pode estar por trás de infecções gastrointestinais que causam diarreia e outros sintomas.

Os sintomas da infecção por adenovírus podem incluir tosse, dor de garganta, bronquite, diarreia, pneumonia e conjuntivite. Eles geralmente aparecem entre 2 e 14 dias após a exposição inicial.

No geral, pessoas com um sistema imunológico saudável não precisam se preocupar, pois esses sintomas tendem a ser leves e passar rapidamente. No entanto, em pessoas imunocomprometidas as infecções por adenovírus requerem maior cuidado, pois podem evoluir para pneumonia e outras complicações.

Para quem precisar de cuidados médicos, o tratamento consiste em amenizar os sintomas e medidas de apoio, como repouso, hidratação e alimentação leve.

O que é rinovírus

Os rinovírus também podem causar dores de garganta, infecções de ouvido e infecções dos seios nasais, as aberturas no osso perto do nariz e dos olhos. Eles também podem causar pneumonia e bronquiolite, mas isso é menos comum.

Os rinovírus passam facilmente de uma pessoa para outra e são os principais agentes causadores de resfriado no mundo.

O que é Vírus Sincicial Respiratório

O Vírus Sincicial Respiratório (VSR) causa infecções nos pulmões e no trato respiratório. É tão comum que a maioria das crianças já foi infectada com o vírus aos 2 anos de idade. Mesmo assim, este vírus também pode infectar adultos.

Em adultos e crianças mais velhas e saudáveis, os sintomas do VSR são leves e geralmente imitam o resfriado comum. Estes podem incluir:

  • Nariz congestionado ou escorrendo.
  • Tosse seca.
  • Febre baixa.
  • Dor de garganta.
  • Espirros.
  • Dor de cabeça.

Medidas de autocuidado para amenizar os sintomas geralmente bastam e não é preciso nenhum outro tratamento.

Contudo, o vírus sincicial respiratório pode causar infecção grave em algumas pessoas, incluindo bebês de 12 meses ou menos, especialmente bebês prematuros, idosos, pessoas com doenças cardíacas e pulmonares ou qualquer pessoas imunocomprometidas. 

O que é Bocavírus

O bocavirus humano (HBoV) é um vírus descoberto em 2005 que está ligado à infecções no trato respiratório inferior (brônquios, bronquíolos, alvéolos e pulmões), além de gastroenterite, uma infecção no sistema digestório.

Mais comum em crianças abaixo dos 2 anos de idade, a principal forma de transmissão desse vírus é pelas vias aéreas, sendo que ele é comumente encontrado em co-infecção com outros vírus e patógenos.

Estudos sugerem que infecções por bocavirus são mais comuns durante o inverno e início da primavera e os sintomas se assemelham bastante a um resfriado comum: tosse, coriza, febre e falta de ar.

O que é Vírus Influenza

A gripe é uma infecção respiratória causada por vírus do tipo Influenza que atingem o sistema respiratório. Altamente contagiosa e, em casos mais graves, com complicações fatais, além da febre alta e súbita (acima de 37%), a gripe também tem outros sintomas, como: mal-estar geral, arrepios, dor de garganta, congestão nasal, coriza

Existem três tipos principais de gripe :

  • Tipo A: forma mais comum de gripe, o tipo A pode se espalhar de animais para humanos e é conhecido por causar pandemias.
  • Tipo B: semelhante ao tipo A, o influenza B também é altamente contagioso e pode ter efeitos perigosos sobre a saúde em casos mais graves. No entanto, esta forma só pode ser transmitida de humano para humano e pode causar surtos sazonais e pode ser transmitida ao longo do ano.
  • Tipo C: este tipo é a versão mais branda da gripe. Se infectado com influenza tipo C, os sintomas costumam ser leves e evoluir bem.

A principal diferença da gripe com as outras doenças mencionadas que causam o resfriado comum é o tempo de infecção aguda mais prolongado, a febre alta (o resfriado causa uma febre baixa, quando causa) e o estado de prostração geral que impede que a pessoa exerça atividades do dia a dia.

O que é Covid-19

A Covid-19 é uma doença infecciosa causada pelo vírus SARS-CoV-2. A maioria das pessoas infectadas com o vírus apresenta sintomas respiratórios leves a moderados e se recupera sem a necessidade de tratamento especial. No entanto, alguns ficarão gravemente doentes e exigirão atenção médica, sobretudo, idosos e pessoas com condições médicas subjacentes. Outra parcela de pessoas desenvolve sequelas e sintomas pós-infecção, a chamada Covid-19 longa ou Síndrome pós Covid-19.

A Covid-19 possui diversos sintomas em comum com a gripe, como febre, cansaço, dor de garganta,  espirros, tosse, coriza, falta de ar, mal-estar, entre outros. Contudo, o SARS-CoV-2 também pode causar uma variedade de sintomas não relacionados ao sistema respiratório que não são observados em pessoas com gripe, sendo perda de olfato e paladar, queda de cabelo, diarreia os mais mencionados.

A gravidade dos sintomas varia por conta da idade, condições de saúde pré-existentes, vacinação e outros fatores, sendo que algumas pessoas têm sintomas muito brandos semelhantes a um resfriado, enquanto outras têm sintomas mais graves semelhantes ou piores que a gripe.

Como esses vírus são transmitidos?

Todos esses agentes infecciosos são transmitidos por contato pessoal próximo com outras pessoas, como apertar as mãos ou tocar. Além disso,  tossir, espirrar ou tocar em um objeto ou superfície que contenha o vírus e depois tocar na boca, nariz ou olhos também pode transmitir o vírus.

Daí a importância de agir depressa para fazer o diagnóstico do vírus que esteja causando os sintomas para iniciar o tratamento o mais rápido possível e para isolar a pessoa, caso seja necessário. 

Como é feito o Painel Respiratório 24 patógenos

A boa notícia é que o Painel Respiratório 24 patógenos disponível no Labi faz o diagnóstico dos 5 vírus mencionados, além de outros 19 agentes infecciosos. 

Com análise de 24 patógenos, entre vírus e bactérias, esse conjunto de análises é feito com a metodologia PCR e tem o resultado em apenas 2 dias úteis, um dos melhores prazos do mercado. São analisados os seguintes agentes infecciosos:

  • HAdV (Adenovírus)
  • HBoV (Bocavírus)
  • COR229E (Coronavírus 229E)
  • CORHKU1 (Coronavírus HKU1)
  • CORNL63 (Coronavírus NL63)
  • COROC43 (Coronavírus OC43)
  • hMPV A/B (Metapneumovírus Humano)
  • FLUA (Influenza A)
  • FLUA H1N1 (Influenza A H1N1)
  • FLUA 3 (Influenza A 3)
  • FLUB (Influenza B)
  • HPIV 1 (Parainfluenza 1)
  • HPIV 2 (Parainfluenza 2)
  • HPIV 3 (Parainfluenza 3)
  • HPIV 4 (Parainfluenza 4)
  • HRSV A/B (Vírus Sincicial Respiratório)
  • HRV/EV (Rinovírus/Enterovírus)
  • SARS-CoV2
  • Bordetella pertussi/Bordetella holmessi
  • Legionella pneumophila
  • Mycoplasma pneumoniae

O Painel Respiratório 24 patógenos é um dos mais completos e pode ser feito em uma de nossas unidades espalhadas pelo estado de São Paulo e Rio de Janeiro, sem precisar de agendamento, ou no conforto da sua casa com o Labi em Casa, nosso atendimento domiciliar. E o pagamento é facilitado: PIX, cartão de crédito e em até 12 vezes. Você escolhe!Seja com exames, testes, vacinas ou check-ups, conte com o Labi para te ajudar a cuidar da saúde sem complicação.

TAGS: adenovirus bocavirus Gripe Resfriado

CONTEÚDOS MAIS LIDOS

Desvendando o Hemograma
Exames

Desvendando o Hemograma

14/06/2024 2 minutos de leitura
Triploidia: o que é e como detectar
Maternidade

Triploidia: o que é e como detectar

07/10/2021 3 minutos de leitura
Quer receber novidades? Assine nossa newsletter

Quer receber novidades? Assine nossa newsletter: