Saiba Tudo Sobre a Vacina Pneumocócica 23

Publicado por: Equipe Labi Equipe Labi
07/11/2023
3 minutos de leitura
Saiba Tudo Sobre a Vacina Pneumocócica 23

Para que serve a vacina Pneumocócica 23?

A Pneumocócica 23, assim como outras vacinas pneumocócicas, protege contra doenças graves causadas pela bactéria pneumococo, como pneumonias, meningites, otites, entre outras.

Entretanto, a Pneumocócica 23 protege contra 23 sorotipos de pneumococos, sendo uma das mais eficazes na prevenção das doenças citadas.

Quem deve tomar a Pneumocócica 23? São quantas doses? 

Para crianças acima de 2 anos, adolescentes e adultos que tenham algum problema de saúde que aumenta o risco para doença pneumocócica (diabetes, doenças cardíacas e respiratórias graves; sem baço ou com o funcionamento comprometido desse órgão; com problemas de imunidade, entre outras condições).

Para pessoas a partir de 60 anos deve ser aplicada como rotina.

Não é recomendada como rotina para crianças, adolescentes e adultos saudáveis.

Recomenda-se a combinação da VPP23 com a VPC13. Idealmente, deve-se iniciar o esquema com a aplicação de vacina pneumocócica conjugada

Na maioria das vezes não se recomenda aplicar mais de duas doses de VPP23.

Por que a Pneumocócica 23 é indicada como rotina para idosos?

A Pneumocócica 23 é indicada para idosos, pois fazem parte do grupo de risco, devido ao sistema imunológico mais fragilizado.

Quem não pode tomar o Pneumocócica 23? 

Crianças, adolescentes e adultos que apresentaram anafilaxia causada por algum componente ou dose anterior da vacina.

Contra quais doenças a vacina Pneumocócica 23 protege?

Pneumonia, meningite e otite são as doenças mais comuns causadas por essa bactéria. Além disso, Sinusite, septicemia, artrite infecciosa e osteomielite são outras doenças pneumocócicas causadas pela mesma bactéria.

Como é feita a aplicação?

A aplicação deve ser intramuscular.

A vacina Pneumocócica 23 tem reações adversas? Quais?

Assim como qualquer vacina, a Pneumocócica 23 pode apresentar reações adversas.

As reações adversas mais frequentes, que ocorrem com mais de 10% dos vacinados, são: dor no local da aplicação (60,0%), inchaço ou endurecimento (20,3%); vermelhidão (em 16,4%); dor de cabeça (17,6%); cansaço (13,2%) e dor muscular (11,9%). Reações locais mais intensas, com inchaço de todo braço, chegando até o cotovelo, hematoma e manchas vermelhas podem ocorrer em menos de 10% dos vacinados.

Todas as reações adversas são mais frequentes após a revacinação em intervalos curtos em relação a doses anteriores. Acredita-se que estejam relacionadas com a presença de grande quantidade de anticorpos no organismo.

Quais as diferenças entre a Pneumocócica 10, Pneumocócica 13, Pneumocócica 15 e Pneumocócica 23?

O que difere as vacinas é a quantidade de sorotipos que cada uma protege.

Sorotipos Pneumocócica 10: 1, 4, 5, 6B, 7F, 9V, 14, 18C, 19F e 23 F

Sorotipos Pneumocócica 13: 1, 3, 4, 5, 6A, 6B, 7F, 9V, 14, 18C, 19A, 19F e 23F

Sorotipos Pneumocócica 15: 1, 3, 4, 5, 6A, 6B, 7F, 9V, 14, 18C, 19A, 19F, 22F, 23F e 33F

Sorotipos Pneumocócica 23: 1, 2, 3, 4, 5, 6B, 7F, 8, 9N, 9V, 10A, 11A, 12F, 14, 15B, 17F, 18C, 19A, 19F, 20, 22F, 23F e 33F

A vacina Pneumocócica 23 está disponível na rede pública e/ou privada?

No momento, a Pneumocócica 23 está disponível nos serviços privados de vacinação e disponível nos Centros de Referências para Imunobiológicos Especiais (CRIEs), portanto, apenas para condições especiais.

Conteúdo desenvolvido em parceria com a Dra. Aline Scarabelli – Médica Infectologista e Consultora Médica do Labi, formada em Medicina pela UNIFENAS – Universidade José do Rosário Vellano.

CONTEÚDOS MAIS LIDOS

Febre tifóide: quando se vacinar?
Vacinas

Febre tifóide: quando se vacinar?

06/05/2022 4 minutos de leitura
Exame de D-Dímero: para que serve?
Exames

Exame de D-Dímero: para que serve?

04/01/2023 5 minutos de leitura
Quer receber novidades? Assine nossa newsletter

Quer receber novidades? Assine nossa newsletter: