Por que devo atualizar minha carteira de vacinação?

Publicado por: Letícia Lana Letícia Lana
17/01/2022
6 minutos de leitura
Frascos para vacina com rótulos brancos

Se engana quem pensa que a vacinação é necessária apenas na infância. Manter a carteirinha de vacinação atualizada é um passo importantíssimo na manutenção da saúde de todas as idades.

Afinal, é por meio das vacinas que você se protege de diversas doenças infecciosas graves, por isso, não bobeie e cheque sempre os Calendários de Vacinação da Sociedade Brasileira de Imunizações (SBim) e do Ministério da Saúde para saber quais imunizantes você deve tomar durante o ano. 

Por que devo me vacinar?

Ao nos vacinarmos, fortalecemos as defesas naturais do nosso corpo, o que impede quadros graves de diversas doenças. É uma forma segura e inteligente de permanecermos saudáveis, seguros e fortes.

E vale lembrar que os vírus e bactérias circulam de pessoa para pessoa e, para conseguir se propagar e se reproduzir, eles precisam achar indivíduos que não estão imunizados contra a doença. Portanto, a vacinação em massa diminui significativamente o número de pessoas suscetíveis à infecção e, dessa forma, o vírus não encontra vetores suficientes para circular e se propagar, o que o torna mais fácil de ser contido.

Quando a maioria da população é vacinada, cria-se uma espécie de “escudos invisíveis” que interrompem a cadeia de transmissão do vírus e/ou bactéria. Assim, protegemos indiretamente nossos amigos e familiares vulneráveis à doença. Esse fenômeno é conhecido como imunidade coletiva ou imunidade de rebanho. 

A vacinação é importante em todas as idades?

A criação do Programa Nacional de Imunizações (PNI) é uma das principais ações de saúde pública já realizadas no país. Graças a ele, foi possível eliminar do território nacional diversas doenças e preservar incontáveis vidas. 

Apesar do sucesso do PNI, a Sociedade Brasileira de Imunizações (SBim) destaca que a cobertura vacinal, quando comparada com a infantil, despenca quando falamos das vacinas recomendadas para adultos e idosos. 

Isso é extremamente danoso no controle e prevenção de doenças já que a vacinação se faz necessária em todas as etapas da vida. Venha ver o porquê a imunização é importante em todas as idades.

Crianças e adolescentes: 

As crianças têm menos imunidade que um adulto, porque o sistema imunológico deles ainda está em desenvolvimento e os seus anticorpos estão em formação, os tornando um alvo mais suscetível  no desenvolvimento de formas graves de doenças como a coqueluche, infecção respiratória que, segundo o Ministério da Saúde, tem um maior índice de letalidade em bebês menores de um ano. 

Por isso, a imunização infantil é indispensável para garantir o crescimento saudável dos pequenos, já que é por meio  das vacinas que oferecemos às crianças prevenção precoce, principalmente de doenças que podem deixar sequelas por toda a vida, como a poliomielite, também conhecida como paralisia infantil. 

Adultos: 

Assim como em todas as faixas de idade, a vacinação em adultos é uma maneira de se proteger contra diversas doenças graves e suas complicações, que, geralmente, são transmitidas pelo contato com objetos ou pessoas contaminadas.

A partir das imunizações, a incidência de doenças que acometiam milhares de pessoas todos os anos no mundo inteiro sofreu uma queda acentuada, principalmente, enfermidades como coqueluche, sarampo, poliomielite e rubéola. No entanto, caso as pessoas parem de se vacinar, essas doenças podem voltar a se tornar uma epidemia e levar milhares de infectados à morte.

Segundo especialistas, há baixa informação e conscientização da população sobre a importância da vacinação em adultos. Dados do Ministério da  Saúde apontam que apenas metade dos adultos de 20 a 29 anos tomou a vacina contra a hepatite B. Um adulto com a caderneta de vacinação desatualizada corre riscos não apenas de desenvolver formas mais agressivas das doenças, mas também de ser um vetor de transmissão, podendo colocar crianças em risco – como os próprios filhos. Em outras palavras, isso significa que um adulto não vacinado não coloca em risco apenas a sua própria saúde, mas a de todos à sua volta. 

Vale lembrar que algumas vacinas acabam por ter seu efeito protetor enfraquecido com o passar dos anos, e precisam de novas doses para reforço do efeito imune. E quando esse reforço se faz necessário na fase adulta, a adesão ainda é muito baixa, segundo a presidente da Sociedade Brasileira de Imunização (SBIm).

Idosos:

As alterações do sistema imunológico que ocorrem no envelhecimento – também chamada de imunosenescência – são responsáveis pela diminuição da capacidade de resposta do idoso diante de uma infecção. 

Por isso, esse grupo tem um maior risco de adquirir doenças infecciosas e ter uma pior evolução dos quadros, com mais risco de hospitalizações e mortalidade. Além disso, muitos idosos possuem doenças crônicas, como pressão alta e diabetes, que também são um fator de risco para diversas doenças infecciosas.

Por conta dessa maior fragilidade do sistema imunológico, a vacinação em idosos reduz as internações e o risco de morte causados por doenças cardíacas, cerebrovasculares, pneumonia ou influenza (infecção viral aguda do sistema respiratório). 

Recomendação de vacinas Labi:

Nós do Labi sabemos que pode ser confuso e um pouco difícil saber quais vacinas você precisa tomar anualmente, por isso, temos nosso serviço de recomendação de vacinas para te ajudar a saber quais imunizantes você e sua família precisam tomar em cada etapa da vida. 

Por meio de uma ferramenta que cruza os dados de perfil e histórico de vacinação de cada pessoa, a recomendação de vacinas do Labi gera uma lista personalizada com todos os imunizantes que o indivíduo deve tomar. A recomendação gerada tem uma janela flexível de tempo, que vai da data de sua geração até a data do próximo aniversário do paciente.

Para solicitar a recomendação basta enviar por Whatsapp (11 3003-2686) – na opção de avaliação de caderneta de vacinação – uma foto de sua carteira de vacinação e aguardar enquanto nosso time gera a recomendação.  Após a análise de dados, a pessoa receberá uma lista personalizada com todas as vacinas que ela deve tomar durante o ano. 

Vacinas no Labi:

E lembre-se: aqui no Labi, você toma suas vacinas de maneira rápida, prática e descomplicada e tudo isso no conforto do seu lar, sem precisar sair de casa. Seja na infância, na adolescência, na vida adulta ou na terceira idade, o Labi conta com os imunizantes necessários para garantir a sua proteção e a da sua família. 

Além disso, também temos nossos exames, testes e check-ups para te ajudar a cuidar da sua saúde.

Quer receber novidades? Assine nossa newsletter

Quer receber novidades? Assine nossa newsletter: